Visitantes da tia Val

segunda-feira, 29 de julho de 2013

Sobre a JMJ




Primeiramente, quero confessar minha atitude preconceituosa no início dos trabalhos da Jornada. É que eu imaginei algo parecido com as procissões aqui na minha cidade, que são regadas a muita bebida alcoólica e, consequentemente, muita bagunça e violência. Acredito que os jovens aqui da minha cidade meio que aproveitam essas oportunidades de aglomeração de pessoas para fazer todo tipo de gracinha possível. Acabei generalizando e peço mil perdões por minha ignorância.

Bem, com relação ao que consegui acompanhar pela TV, confesso que fiquei encantada com o evento e senti muita vontade de estar lá, caso meu tempo e condições financeiras me permitissem. Achei o Papa Francisco um fofo em suas atitudes e palavras, amei esse homem de coração. Ah, e antes que meus queridos irmãos me recriminem por minha declaração de amor, quero ressaltar: Eu disse que amo o Papa, não o adoro, assim como não adoro meu pastor e nenhuma estrelinha gospel. Minha adoração é dada somente a Deus. Aliás, quanto às ditas estrelinhas, o que sinto é pena.

Sabem o que achei incrível também? A participação do Asaph Borba na Jornada. Não é à toa que eu admiro esse homem como verdadeiro adorador, ele foi bastante criticado por evangélicos ao participar do evento católico, mas eu achei o máximo, acho que ele estava no lugar certo, que é onde os servos de Deus deveriam estar: No meio de pessoas sedentas de Deus. Se temos Deus em nós e tanta gente está ali clamando por isso, por que vamos ficar só de longe observando e falando mal, ainda por cima?

É nessas horas que a gente vê quem está disposto a servir realmente e quem só quer aparecer. Aos envolvidos na JMM, meu respeito e mais sinceros parabéns!


5 comentários:

  1. He visto las jornadas a través de los Noticiarios y me han parecido llenas de Armonía, Clamor y Fe.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Olá parceira! Hoje vou fazer um comentário do tipo que todos nós, blogueiros, detestamos.
    "Vim lhe desejar uma ótima terça-feira", ahahah!
    É que se for pra eu opinar sobre o que penso acerca deste assunto, não vai prestar. Então, por respeito, só venho aqui deixar meu "oi" e desejar tudo de bom para você.
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha... te conheço, Chris, e se vc está dizendo que não vai prestar, acredito que não vai mesmo kkkkkkkkk
      Sem problemas, vindo de vc, até um "Vim desejar uma ótima terça-feira" é muito bem vindo e estimado. Super abraço, parceiro.

      Excluir
  3. Até eu que não tenho religião fiquei com vontade de estar lá. O négócio é louvar a Deus e aproveitar a energia positiva. Só não gostei qdo o Papa incentivou os fiéis a saírem por aí evangelizando. Acho que quem não tem religião (tipo eu) tem o direito de continuar não tendo nenhuma religiao.

    ResponderExcluir
  4. Nuss, agora que eu vi que tinha escrito JMM e não JMJ... mas já arrumei hehe

    ResponderExcluir

Que bom que você leu o post até o final, sinal de que não era tão chato assim, neh? Seu comentário é muito importante para mim, não saia sem deixar um Oi, para eu saber quem veio me visitar. Sempre que posso, retribuo as visitas. Bjokas da Val!

Ocorreu um erro neste gadget

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...